Oi, tudo bem?
Peço sua atenção para aquilo que vou ensinar nessa página.
São conhecimentos que a gente não vê facilmente por aí e que eu mesmo demorei muito tempo para ter clareza.

Comece Assistindo Esse Vídeo Aqui

Nesse vídeo, falo as principais coisas que você deve saber sobre saúde de dentes e gengivas, bem como a sua relação com a saúde do corpo e prevenção de doenças
Agora, dá uma olhadinha nessa frase aqui:

PROBLEMAS DE DENTES OU GENGIVAS E FALTA DE AUTOCUIDADO BUCAL AUMENTAM FORTEMENTE O RISCO A GRAVES DOENÇAS NA BOCA DA PESSOA E NO CORPO DELA.
Curso Online Tratamento de Imagens

Você vai entender melhor sobre isso, assistindo esse vídeo aqui

Nesse vídeo, falo as principais coisas que você deve saber sobre saúde de dentes e gengivas, bem como a sua relação com a saúde do corpo e prevenção de doenças!

Quando eu me formei em odontologia (e também, confesso, após vários anos de formado), eu não entendia bem essas coisas...

Como é que algumas sérias doenças do corpo são agravadas devido a problemas dentários ou à falta correto autocuidado diário de dentes e gengivas?

E são doenças muito comuns e sérias...veja só:

  • Problemas Cardíacos (no Coração)
  • Entupimento de Artérias (Derrames, AVC)
  • Problemas Gástricos (Gastrite, Úlceras)
  • Maior Propensão a Infecções, Inclusive Pelo Coronavírus.
  • Propensão à Doença de Alzheimer (Demência)
  • Dores nos músculos e articulações do corpo
  • Maior Possibilidade de Partos Prematuros
  • Alteração do Sistema de Defesa Do Corpo (imunológico), Predispondo a Pessoa a Alergias e Dificuldade de Controle de Infecções 
  • Dificuldade de Controle do Açúcar no Sangue, Especialmente em Diabéticos ou em Pessoas Propensas. 

Eu me perguntava como isso seria possível: "o que a boca teria a ver com coração, estômago, diabetes, etc...".

Veja Por Que as Bactérias e Vírus Vindos de Doenças de Dentes e Gengivas São Tão Perigosos Quando Ficam Circulando Pelo Corpo da Pessoa

Imagem1

Aumenta o risco a PROBLEMAS CARDÍACOS

Estudos demonstram que as bactérias da boca que se acumulam em dentes ou gengivas doentes podem cair na corrente sanguínea da pessoa lesando a artéria do coração (coronária) e também afetando as válvulas do coração
Imagem2

Aumenta o risco a infeções por BACTÉRIAS E VÍRUS
(INCLUSIVE CORONAVÍRUS)

A presença de cavidades nos dentes (cáries, dentes quebrados, etc.) e em tártaros nas gengivas podem reter mais facilmente os germes agressivos na boca, propiciando o contágio e transmissão de doenças.
Além disso, quando infecções dentárias estão presentes na boca e não são resolvidas brevemente, acaba por debilitar progressivamente o sistema de defesa do corpo (imunidade), predispondo a infecções ou o seu agravamento.
Imagem3

Aumenta a presença e a gravidade de PROBLEMAS GÁSTRICOS (Gastrite, Úlceras)

A presença de infecções de cáries e doenças de gengivas (gengivites e periodontites) faz com que a pessoa frequentemente fique ingerindo pus e acidez, as quais caindo no esôfago e estômago pode levar a infecções e danos à distância
Imagem4

Aumenta o risco de
ENTUPIMENTO DE ARTÉRIAS
(Derrames, AVC)

As bactérias da boca que caem na corrente sanguínea colaboram para a inflamação dos vasos sanguíneos, favorecendo o agravamento da formação de placas de ateroma e entupimento.
Imagem5

DIFICULDADE DE CONTROLE DE AÇÚCAR NO SANGUE, Especialmente em DIABÉTICOS ou em Pessoas Propensas

A maior batalha dos diabéticos é justamente controlar a quantidade de açúcar no sangue (glicemia). Muitas vezes, a pessoas em geral, especialmente os diabéticos têm a dificuldade de controlar a glicemia justamente porque existem focos de infecção imperceptíveis em seus dentes ou gengivas.
Imagem6

Aumento da sensibilidade à DORES NOS MÚSCULOS e ARTICULAÇÕES do corpo

Uma vez que as bactérias ficam dia após dia circulando no sangue da pessoa (bacteremia), o corpo da pessoa produz uma inflamação no corpo não percebida pela pessoa, levando a uma sensibilidade em músculos e articulações.
Imagem7

Aumento do Risco e  Propensão à DOENÇA DE ALZHEIMER (DEMÊNCIA)

Ainda a Ciência não sabe bem o porquê, mas existe uma associação entre pessoas com inflamação em gengivas causadas por bactérias e Alzheimer. Acredita-se que essas bactérias de doenças de gengivas (periodontite) caiam na corrente sanguínea, levando à inflamação em neurônios no cérebro.
Imagem8

Maior Possibilidade de PARTO PREMATUROS EM GESTANTES

Pesquisas mostram que mulheres gestantes que possuem inflamações (sangramentos) em gengivas tendem a entrar em trabalho de parto mais precocemente. Acredita-se que as inflamações desencadeadas por essas bactérias localizadas em gengivas seriam a causa. Essas bactérias gengivais desencadeariam substâncias inflamatórias no sangue da mulher levando ao trabalho de parto mais cedo. 
Imagem9

Alteração do SISTEMA DE DEFESA DO CORPO  (imunológico), 

As bactérias da boca, quando dia-após-dia caem na corrente sanguínea, predispõem a pessoa a alergias, dificuldade de controle de infecções, cansaço o mal-estar crônico.
Seria aquela sensação de que "ela nunca está 100% saudável, entendeu?

Pesquisando mais sobre o assunto, encontrei essas notícias na internet (se você procurar no Google, talvez você mesmo poderia encontrar muitas outras coisas parecidas).

Dá uma Olhada no que a Imprensa e as Sociedades Médicas Têm Falado Sobre a Falta de Autocuidado de Dentes-Gengivas e Saúde do Corpo

São notícias que acho que você não tinha tomado contato ainda

Isto é

Relação entre saúde bucal e o coração

A saúde bucal deve ser levada a sério uma vez que está interligada com a saúde de outras partes do corpo, por exemplo, com o coração, não sendo só uma questão estética. O estudo realizado pelo Instituto do Coração (Incor) mostrou que 45% das doenças cardíacas têm origem na cavidade bucal.

Na boca estão presentes muitas bactérias causadoras de cáries, gengivite e periodontite (inflamação dos ligamentos e ossos que dão suporte aos dentes) que podem penetrar na corrente sanguínea. Quando isso ocorre, há risco de se desenvolver a endocardite infecciosa – um ataque desses micro-organismos ao revestimento interno do coração –além de problemas como infarto, aterosclerose e acidente vascular cerebral (AVC).
O globo

Saúde Bucal e Diabetes

O diabetes pode influenciar na saúde da boca, assim como as doenças da cavidade oral podem prejudicar o controle da glicemia. Atenção!

Assim como acontece em qualquer infecção, a doença periodontal pode dificultar o controle do diabetes. Mais do que isso, ela está ligada ao controle metabólico de modo bidirecional, influenciando e sofrendo influência do diabetes.

As doenças mais comuns na boca são:

1- Gengivite: é um estágio inicial da doença gengival e se caracteriza por gengivas vermelhas, inchadas ou flácidas e que podem sangrar durante a escovação ou o uso do fio dental.

2- Periodontite: é a progressão da gengivite não cuidada e que ataca e com o tempo destrói as estruturas que envolvem e sustentam os dentes, atingindo a gengiva, o osso da boca e a raiz do dente.
Uol

Periodontite em gestantes dobraria o risco de parto prematuro

Revisão de estudos reforça a importância do acompanhamento odontológico durante a gravidez. Descubra por que problemas bucais da mãe repercutem no bebê.

Em 60% dos levantamentos, essa associação entre infecção periodontal e aumento da possibilidade de parto prematuro (ocorrido com menos de 37 semanas de gravidez) foi confirmada

Acontece que as bactérias por trás da periodontite não necessariamente ficam restritas à boca. Elas são capazes de viajar pelo corpo através dos vasos sanguíneos.
E aqui voltamos ao parto prematuro. Se um agente infeccioso chega no útero, o sistema imunológico aumenta a produção da prostaglandina, uma substância que ajuda a combater esses inimigos – mas também induz ao parto.
Curso Online Tratamento de Imagens

Além das Doenças no Corpo,

Veja o que a Falta de Correto Autocuidado e Higiene de Boca Podem Causar Nos Dentes e Gengivas...

Imagem
Imagem1

PERDA DA 
APARÊNCIA DOS DENTES

Estudos demonstram que a adoção de TÉCNICAS CORRETAS de autocuidado diário melhora a aparência dos dentes e sorriso.
Mas, quando a pessoa não sabe fazer corretamente o seu autocuidado diário, a estética do sorriso tende a desaparecer lentamente
Imagem2

APARECIMENTO DE  
TÁRTAROS e MANCHAS
 NOS DENTES 

A adoção de TÉCNICAS CORRETAS de autocuidado leva à resistência ao manchamento e à formação de tártaros
Imagem3

ASPECTO de DENTES AMARELOS, PERDENDO LENTAMENTE o ASPECTO DE DENTES CLAROS

Hábitos positivos e aplicação de técnicas de autocuidado leva à melhor resistência ao amarelamento dos dentes
Imagem4

APARECIMENTO DE GOSTO RUIM NA BOCA E MAU-HÁLITO

Como as 75% das causas de mau-hálito estão na boca, a adoção de técnicas de autocuidado diário combate a grande maioria delas
Imagem5

SANGRAMENTO DE GENGIVAS E GENGIVAS INCHADAS

A quase totalidade dos casos de sangramento de gengiva está na falta de conhecimento e técnicas de autocuidado diário aplicadas na gengiva. Frequentemente, sem que a pessoa perceba, há também saída de PUS PELA GENGIVA.
Imagem6

 APARECIMENTO DE RETRAÇÕES DE GENGIVAS

Erros na técnica de autocuidado levam a retrações de gengiva, COM O APARECIMENTO DA RAIZ DO DENTE NA BOCA
Imagem7

FORMAÇÃO DE 
CÁRIES NOS DENTES

ERROS NAS TÉCNICAS DE AUTOCUIDADO DIÁRIO levam à 95% dos casos de cáries nos dentes
Imagem8

APARECIMENTO DE SENSIBILIDADES E 
DORES DE DENTES

Hábitos CORRETOS de autocuidado diário efetivamente reduzem o risco à sensibilidade e dor de dentes
Imagem9

QUEBRA, DESGASTES E PERDA DOS DENTES

A grande maioria dos casos de desgastes, quebras ou perda de dentes estão relacionados a erros no autocuidado diário

Por que a FALTA DE AUTOCUIDADO 

leva a essas doenças no corpo e também à lenta deterioração dos dentes e gengivas das pessoas?

Imagem

O processo de invasão de bactérias da boca para o corpo ocorre no dia-a-dia da pessoa, lentamente, sem que ela perceba
A falta do CORRETO autocuidado diário pela pessoa faz com que as bactérias se instalem em dentes e gengivas.
Em dentes, a permanência dessas bactérias formam cavidades profundas chamadas cáries. Já nas gengivas, a permanência dessas bactérias causam sangramento recorrente nas gengivas.
Com o passar do tempo, essas bactérias ganham o interior do corpo da pessoa.
Tudo isso, é bom frisar, ocorre devido à falta de CORRETO autocuidado diário pela pessoa.
(Veja a figura abaixo)

Curso Online Tratamento de Imagens

Eu  Sempre Escovo os Dentes e Mesmo Assim  Aparecem Problemas em Meus Dentes e Gengivas...por que isso ocorre?

Essa é uma excelente pergunta! Muitos pacientes meus me perguntam exatamente isso.
Há 2 erros aqui:
1) A pessoa acredita que sabe higienizar dentes e gengivas corretamente, quando na verdade não sabe. É verdade: higienizar corretamente os dentes e gengivas é simples, mas realmente precisa de um aprendizado...senão a pessoa até pensa que higienizou, quando na verdade deixou as bactérias ali nos seus dentes e gengivas.

2) HIGIENIZAR os dentes é diferente de AUTOCUIDADO.  
Preste Atenção:
Autocuidado envolve muito mais do que higienizar os dentes. Autocuidado é tudo aquilo que você sabe, entende, faz ou não faz com os seus dentes e gengivas em seu dia dia. Envolve olhar os seus dentes e gengivas, saber o que pode ou não pode fazer com eles, como se alimentar e também, é claro, como higienizar.

Imagem


Qual é então a solução definitiva para evitar todos esses problemas de dentes e gengivas?

Resposta: 
O Correto Autocuidado diário feito pela própria pessoa no seu dia a dia

A SOLUÇÃO TOTAL DO PROBLEMA DE DENTES E GENGIVAS EM APENAS 4 PASSOS

1) OLHAR

Grande parte dos problemas de dentes e periodonto ocorrem justamente porque a pessoa não tem boa visualização de sua própria boca...
Afinal a boca é escura e há problemas de angulação, que fazem com que ela não consiga alcançar com os seus olhos todas as partes de sua boca.

2) ENXERGAR

Enxergar = Significa Olhar juntamente com Conhecimento Profundo do que está olhando.
Na maioria das vezes, a pessoa até olha algum problema em seus dentes aqui ou ali, mas, como não entende o que está acontecendo, não sabe prevenir ou tomar providências para combater o problema e este acaba se agravando.

3) TÉCNICAS MANUAIS DE AUTOCUIDADO

Outro grande problema que a pessoa possui é justamente não saber fazer corretamente a seu autocuidado diário para manter a saúde de dente e gengivas.
E isso passa pelo conhecimento e técnicas de autocuidado diário aplicadas pela própria pessoa em seu dia a dia.

4) RETORNO AO PROFISSIONAL

Eventualmente, de tempos em tempos, a pessoa precisa retornar ao dentista para reavaliação.
Muitas vezes, a pessoa esquece desse pequeno detalhe, levando anos sem ir ao dentista.

Agora, vou ensinar você a como  começar a fazer o seu autocuidado perfeitamente bem, através de alguns exemplos.

Imagem

Mas, antes, preciso me apresentar 
Sou Wagner Munhoz

Sou dentista e trabalho ajudando pessoas pela internet a resolverem seus problemas de dentes e gengivas, levando elas a conservarem sua saúde bucal durante toda a sua vida, melhorando o seu bem-estar e auto-estima
Imagem
Todos os dias, milhares de pessoas aprendem algo comigo por meio de algum vídeo ou post no Blog, Facebook ou Instagram.

Vamos Agora aos Exemplos Reais de Problemas no Autocuidado Preventivo Diário Levando a Doenças nos Dentes, Gengivas e no Corpo!

Preste bem atenção e você aprenderá muita coisa bem interessante...
Imagem

Exemplo #1 - Cárie Dental

1) Olhar: Você está vendo esses pequenos pontos escuros sobre os dentes? Na verdade, são cavidades, ou seja, "buracos" que as bactérias que se acumulam nos dentes da pessoa fazem. As pessoas não costumam olhar os próprios dentes, então, isso pode passar despercebido no dia a dia, levando ao agravamento.
2) Enxergar: Mesmo quando a pessoa olha e se dá conta desses buraquinhos nos dentes, como ela não entende bem o que é (ou a sua gravidade), ela vai deixando o problema tomar conta e se agravar.
3) Técnicas de autocuidado: Essas cáries ocorrem porque as pessoas comem o açúcar dos alimentos e bebidas açucarados e vão produzindo ácidos. Esses ácidos vão corroendo lentamente o dente formando então as cáries.
Então, para prevenir cáries nos dentes, não basta "escovar os dentes", mas sim higienizar os dentes de maneira correta, bem como evitar a frequência diária de consumo de açúcar, especialmente entre as refeições.
4) Retorno ao dentista: É importante para poder controlar a saúde, mas veja que, se a pessoa não tiver o conhecimento de autocuidado e mudanças de hábitos diários, isso não irá adiantar nada.
Imagem

Exemplo #2 - Após ir ao dentista, o problema, na verdade, só está começando...

1) Olhar: Você está vendo essa figura aí? Se a restauração for em dente da frente, muitas vezes, a própria pessoa consegue reparar um amarelamento dos dentes...mas os dentes do fundo geralmente a pessoa nem se dá conta.
2) Enxergar: A pessoa, mesmo quando se dá conta dessas alterações nas restaurações, não enxerga porque não se dá conta do porquê isso está ocorrendo.
Então, você veja que a pessoa foi ao dentista fazer restaurações nos dentes (para tratar as cáries dentárias), mas continuou errando dia após dia em seu autocuidado dentário. Se a restauração for estética, ela amarela, ao passo que restauração metálica escurece.
O resultado foi a degradação das restaurações feitas pelo dentista e o aparecimento de novas cáries. 
3) Técnicas de autocuidado: Nesse caso, a higienização correta de dentes e gengivas associada a uma alimentação com baixa frequência de açúcar ou de alimentos ácidos por minimizar ou evitar o problema.
Isso acontece porque não basta a pessoa ir ao dentista tratar as cáries...ela tem que combater as causas que levaram os dentes dela a desenvolverem cáries, entendeu? 
4) Retorno ao dentista: É importante para poder controlar a saúde, mas veja que, se a pessoa não tiver o conhecimento de autocuidado e mudanças de hábitos diários, isso não irá adiantar nada...só gasta dinheiro e perde lentamente as restaurações dentárias.
Imagem

Exemplo #3 - Doenças de gengivas

1) Olhar: Se a pessoa olhar com atenção, ela irá notar as gengivas doentes, avermelhadas, um poco inchadas, com sangramento ao escovar os dentes ou passar o fio dental. Geralmente, há a presença de tártaros nos dentes.
2) Enxergar: As pessoas até podem notar que há algo de errado, mas como não dói, ela acha que não seria nada de grave. Mas se ela tiver conhecimento mais profundo, ela certamente buscaria melhorar o seu autocuidado e ir ao dentista.
3) Técnicas de autocuidado:  A pessoa precisa saber que as doenças de gengivas, isto é, que afetam o suporte do dente (gengiva e osso ao redor do dente) são causadas pelo acúmulo de bactérias na margem e também abaixo da gengiva.  Essas bactérias atacam o suporte do dente, causando sangramento espontâneo das gengivas e, frequentemente leva à perda de osso de suporte progressiva. O pior é que, como a pessoa não sente dor alguma, o problema se perpetua por semanas, meses ou anos sem solução. Para prevenir (e até mesmo sarar totalmente, em alguns casos) basta saber as técnicas de autocuidado e correta higienização subgengival.
4) Retorno ao dentista: O retorno ao dentista é importante para a remoção de tártaros (limpeza profissional). Mas de nada adianta a limpeza profissional em si, uma vez que, após 24 horas, as bactérias já começam acumular novamente.
Imagem

Exemplo #4 - Retrações de gengivas

1) Olhar: A pessoa, se olhar com atenção, nota as gengivas retraindo lentamente com o passar dos anos, expondo cada vez mais as raízes dos dentes.
2) Enxergar: A pessoa precisa entender o porquê de a gengiva estar retraindo.
As causas mais comuns são devido a erros em autocuidado preventivo diário.
A pessoa não sabe higienizar corretamente e, então, começa a higienizar os dentes de maneira traumática, dia após dia.
A gengiva, sendo machucada diariamente acaba por ir lentamente retraindo.
3) Técnicas de autocuidado: Tanto o olhar quanto o cuidar das regiões de gengivas retraídas são fundamentais. A higienização correta, entre outros cuidados, são fundamentais
4) Retorno ao dentista: O dentista poderá identificar melhor as causas das retrações e também ajudar

Eu poderia mostrar muitos outros exemplos  sobre a grande eficácia dos métodos de autocuidado de dentes e gengivas na promoção da saúde bucal e corporal  (todos os dias, eu faço isso em meus pacientes)...mas aqui nessa página não caberia tanta informação.
Mesmo em meu consultório, gasto um bom tempo para falar a cada paciente sobre estas técnicas , o que tornaria esse método de autocuidado muito inacessível  (e caro!) aos brasileiros em geral.

Foi daí que resolvi colocar tudo o que eu passo diariamente aos pacientes em um Programa de Autocuidado Online que gostaria de apresentar para você agora.

Imagem
João Maria

Programa 
Dentes Sempre Perfeitos

E foi pensando nos milhões de brasileiros que necessitam ter acesso a saúde de dentes e gengivas, que desenvolvi um novo Programa de Saúde Bucal Online que revoluciona a maneira de a pessoa cuidar de sua própria saúde bucal.

Este novo Programa que criei e gentilmente batizei de Programa Dentes Sempre Perfeitos dará a você um sólido conhecimento baseado na profunda prevenção em saúde, mantendo a sua saúde de dentes e gengivas durante toda a sua vida, por evitar as causas desses problemas.

Com isso, além de ter condições para uma ótima saúde bucal, você irá evitar muitos problemas de saúde corporal, tais como aqueles que citei acima.

Dr. Wagner C. Munhoz
João da Silva

Dá uma olhada no que estou oferecendo nessa oferta para você


Mapa do seu plano de Lançamento

Os 2 Livros Digitais do Programa 
Dentes Sempre Perfeitos


No Tomo 1 - Fundamentos, a pessoa aprende toda filosofia por detrás do método Dentes Sempre Perfeitos, isto é, o controle das agressões a que os dentes estão sujeitos diariamente sem com que ela se dê conta.

Neste primeiro volume do Livro Dentes Sempre Perfeitos, você em poucos dias saberá exatamente  porque mais de 95% dos problemas dentários ocorrem nos dentes e gengivas das pessoas.
Com a fácil leitura desse conteúdo digital, você desde já poderá começar a usar  no seu dia a dia técnicas simples e altamente eficazes  para a conservação de dentes e gengivas.
Tudo isso, só por conhecer e controlar ativamente os agentes silenciosos que diariamente atacam e agridem os seus dentes e gengivas...sem que você perceba! 

Imagem
Mapa do seu plano de Lançamento

No Tomo 2 - Prática, a pessoa aprende os produtos, utensílios e técnicas do método Dentes Sempre Perfeitos.

Este livro irá mudar totalmente a maneira de a pessoa entender os dentes e fará inevitavelmente ela perceber que é possível se ter dentes de 20 anos, mesmo que se atinja a terceira idade: basta conhecimento e técnica de autocuidado aplicada pela própria pessoa no dia-a-dia

No segundo volume do Livro Dentes Sempre Perfeitos, você em poucos dias aprenderá detalhadamente as refinadas técnicas de autocuidado diário para a manutenção da sua saúde dos dentes e gengivas.
Basta  seguir o passo a passo descrito neste livro.
Você também aprenderá a escolher os produtos, utensílios ou equipamentos mais adequados para a manutenção e autocuidado diário de dentes e gengivas.
Isso vai evitar que você compre produtos no comércio que sejam, por vezes, caros e inadequados ou até mesmo prejudiciais à sua saúde de dentes e gengivas.

Imagem
João Maria

Vamos falar de preços?

Veja bem, a cada dente ou gengiva que venha a dar problema (você bem sabe!) pode gerar muitos gastos com tratamentos dentários junto ao seu dentista.

Além disso, cada dente que - devido a erros diários no autocuidado - sofre alguma cárie, desgaste, fratura ou mesmo se perca, não há volta!...o máximo que o dentista poderá fazer é um reparo artificial, ou seja, uma restauração, jaqueta ou implante dentário.

Quanto maior o dano no dente ou gengiva, maior será o custo para o reparo artificial.


Se o Programa Dentes Sempre Perfeitos conseguir evitar o dano ou perda de apenas 1 dente, você já terá deixado de perder muito de dinheiro e saúde!

Mas o Programa Dentes Sempre Perfeitos que aqui estou apresentando a você terá um preço muito menor do que isso.

Adquira os 
Livros do Programa Dentes Sempre Perfeitos
+ 
Meu Acompanhamento Pessoal Junto Com Você por 3 Meses
(Via WhatsApp) 

por apenas:
 
Compra 100% segura!
 Receba imediatamente seus produtos após a
confirmação do pagamento.
VOCÊ INVESTIRÁ APENAS
R$297
R$147*

ou em até 12X

(*Só para este mês)
Formas de PagamentoFormas de PagamentoFormas de PagamentoFormas de PagamentoFormas de PagamentoFormas de Pagamento

Você terá ainda uma Garantia Incondicional de 30 Dias

Imagem

Até 30 dias depois do pagamento, você pode cancelar por qualquer motivo e eu te devolvo todo o valor pago.

E você fica ainda com os 2 livros grátis!

DÚVIDAS FREQUENTES

O Programa Dentes Sempre Perfeitos Funciona?

Sim, atualmente inúmeras pessoas já entraram em contato com uma com este método, melhorando a sua saúde de dentes e gengivas. O aprendizado é tão simples e profundo, que a pessoa se torna expert em saúde de dentes e gengivas, ajudando inclusive familiares (filhos e parentes) ou amigos a lidarem também com a sua saúde bucal.

Para obter saúde bucal preventiva, a pessoa tem que necessariamente fazer o Programa Dentes Sempre Perfeitos?

Definitivamente Não. 
Você pode (e deve sempre!) consultar um profissional de odontologia que pode lhe orientar também.
No entanto, uma vez que aprende o método Dentes Sempre Perfeitos, você poderá acertar em pouquíssimo tempo as minúcias de seu autocuidado de dentes e gengivas muito profundamente, combatendo desde já os agentes que diariamente os agridem.
Você assim se poderá se tornar agente de sua própria saúde bucal, ao invés de um mero paciente do dentista.

Eu posso ensinar o que aprendi no Programa Dentes Sempre Perfeitos à minha família ou amigos?

Sim.
Uma vez que você aprende todo o caminho do Programa Dentes Sempre Perfeitos, você poderá facilmente ensinar às outras pessoas as minúcias de autocuidado, melhorando desde já a sua saúde de dentes e gengivas.

Se eu não gostar dos livros Dentes Sempre Perfeitos, pode-se pedir a devolução do dinheiro? 

Sim.
Se por qualquer motivo você não gostar dos livros, basta solicitar em 30 dias o reembolso do dinheiro e prontamente será ressarcido.

Qualquer profissional de odontologia - Dentista, ASB ou TSB - ou estudante de odontologia também podem participar e indicar o Programa Dentes Sempre Perfeitos?

Sim, todos os profissionais de odontologia e estudantes da área podem participar do Programa Dentes Sempre Perfeitos.
Para indicar e ser comissionado pela venda, o profissional de odontologia deverá já ter Participado do Programa Dentes Sempre Perfeitos, a fim de saber exatamente o caminho que será percorrido pela pessoa para quem ele está indicando o Programa.

Ao comprar os Livros Dentes Sempre Perfeitos, eu terei acesso imediato a eles?

Sim, ao concluir a sua compra dos Livros Dentes Sempre Perfeitos, os dados de acesso para a área de download será imediato. Para fins didáticos, você fará o download do Tomo 1 imediatamente e do Tomo 2 após 7 dias da compra.

ACESSO ILIMITADO

Você compra uma única vez e tem acesso vitalício aos livros e à área de membros.

CONTEÚDO EXCLUSIVO

Conteúdo para todos os níveis de conhecimento, independente se você está apenas começando ou se já tem experiência na área.

ACESSO 100% ONLINE

O conteúdo do Portal Dentes Sempre Perfeitos fica disponível online para que você consiga assistir onde e quando quiser.

QUEM DEVE FAZER O PROGRAMA DENTES SEMPRE PERFEITOS

  • Quem quer melhorar a sua saúde de dentes e gengivas e parar de ter problemas dentários recorrentes
  • Diabéticos, os quais não podem se dar ao luxo de contrair infecções no corpo
  • Pessoas com o sistema imunológico deficiente, a fim de evitar as infecções de dentes e gengivas
  • Pais ou mães que querem cuidar melhor da saúde bucal de seus filhos
  • Gestantes, a fim de evitar problemas durante o processo de parto devido a infecções de dentes e gengivas
  • Quem está realizando ou já realizou tratamentos dentários, a fim de evitar novos problemas dentários futuros
  • Educadores de escola ou profissionais de saúde em geral (médicos, enfermeiros, auxiliares) que queiram aprender a ensinar saúde bucal aos alunos ou pacientes.
  • Pacientes com problemas cardíacos, a fim de evitar um possível agravamento
  • Pessoas que estão controlando periodontite (dentes moles)
  • Profissionais ou estudantes de odontologia (dentistas, auxiliares ou técnicos em saúde bucal), a fim de aperfeiçoamento em saúde bucal coletiva de crianças, adolescentes, adultos ou idosos.
  • Pessoas com histórico de Alzheimer na família, a fim de evitar o fator de risco relacionado a saúde bucal
  • Pessoas que têm dentes sensíveis ao beber água fria, doce ou quente

O MELHOR CONTEÚDO DE SAÚDE E AUTOCUIDADO DE DENTES E GENGIVAS EM UM ÚNICO LUGAR

COMPRE AGORA E TENHA ACESSO INSTANTÂNEO AO PORTAL DENTES SEMPRE PERFEITOS